quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Futebol Atualidade: Festa do Colorado

INTER É CAMPEÃO DE TUDO!!


D´Alessandro é erguido, esse foi o primeiro título internacional do argentino

Em uma noite de festa no Rio Grande do Sul, o Internacional sofreu, mas conquistou o título que faltava para fechar a sua galeria de grandes conquistas e é agora, junto do Boca JR, o time mais vitorioso das américas, com todos os campeonatos possíveis a um time brasileiro conquistados.

A noite era tensa, mesmo jogando por um empate dentro de casa, os jogadores e torcedores colorados sabiam que a noite não seria fácil. O Inter tinha um desfalque importantíssimo, o meia Guiñazu foi expulso no primeiro jogo e ficou de fora, sendo substituído por Andrezinho.

A bola rolou com o Inter melhor na partida, as principais oportunidades eram coloradas, mas a bola não entrava. Numa das poucas oportunidades, o argentino D´Alessandro passou pela zaga com muita raça, mas concluiu sobre a meta de Andújar. Pelo lado argentino, os apoiadores também tinham dificuldade para armar jogada devido a bem postada defesa do Inter, inclusive com o jovem Danny Morais, que substituia Índio.

Com tanta dificuldade de furar o bloqueio, o técnico Tite se sentiu obrigado a trocar as principais jogadas de ataque do Internacional. As jogadas quase sempre pelo meio com Alex, foram trocadas pelas laterais, com Marcão e Bolívar. Numa dessas jogadas o Inter criou sua principal oportunidade no primeiro tempo. Após jogada ensaiada, Alex mandou na área e Nilmar raspou de cabeça acertando a trave. Quem marcou foi o Estudiantes, mas o árbitro marcou impedimento anulando o gol argentino.

As equipes voltaram para a segunda etapa e percebeu-se claramente uma nova postura do Estudiantes, que pressionava mais a defesa colorada. O Inter ficou algumas vezes sem saída e tentou segurar a jogada em alguns lances. Aos poucos o ataque brasileiro foi ficando escasso e muitas vezes Nilmar estava sozinho e ninguém encostava para receber. Aos 20 minutos, após cruzamento e falha da defesa, Alayes soltou a bomba e fez o primeiro gol do jogo.

A torcida que apoiava até aquele momento, ficou calada e preocupada com a situação que o colorado vivia, pela primeira vez os torcedores sentiram que o Inter podia não conquistar a tão sonhada taça. Somente a partir dos 40 minutos e com algumas mudanças de postura, o colorado voltou a mandar em sua casa, mas para piorar um pouco a situação, o goleiro reserva Agenor foi expulso.

Começou a prorrogação e esta era tratada como a última oportunidade de o Inter mostrar sua superioridade. Num lance de bola na área, Gustavo Nery perdeu a chance, Álvaro escorou e Bolívar soltou a bomba para uma defesa espetacular de Andújar. A partir daí os torcedores voltaram a jogar com o time e isso somado ao cansaso dos atletas argentinos fizeram o Internacional ter total domínio das ações. O zagueiro Angeleri, cotado para defender a seleção argentina, foi dividir uma bola, caiu ao solo e por ali ficou de tão cansado.

O alívio colorado só veio aos oito minutos da segunda etapa e depois de muita insistência. D´Alessandro mandou para a área, Bolívar desviou para excelente defesa de Andújar, no rebote Gustavo Nery chutou e o goleiro pegou novamente, desta vez caído, a bola ficou com Nilmar que escorou de pé esquerdo para o fundo do gol. A partir de então o Beira-Rio foi pintado de vermelho. Ainda deu tempo de duas expulsões de jogadores argentinos e um amarelo para o goleiro Lauro. Com o apito final, chegou a hora de comemorar mais um título de expressão, o goleiro Clêmer chegou a compar o título com uma conquista da Libertadores.

INTERNACIONAL 1 X 1 ESTUDIANTES

Data-hora: 3/12/2008 – 22h (de Brasília)
Copa Sul-Americana 2008 - FINAL
Local: Beira-Rio (Porto Alegre, RS)
Árbitro: Jorge Larrionda (URU)
Auxiliares: Pedro Fandiño (URU) e Walter Rial (URU)
Renda e público: 46.276 pagantes
Cartão Amarelo: Alayes, Benítez, Braña (EST); Magrão, Bolívar, Gustavo Nery, Lauro (INT)
Cartão Vermelho: Agenor, 44'/2ºT (INT); Braña, 13'/2ºT Pror. (EST); Boselli, 15'/2ºT Pror.
Gols: Alayes, 20'/2ºT (0-1); Nimar, 8'/2ºT Prorrogação (1-1)
INTERNACIONAL: Lauro, Bolívar, Danny Morais, Álvaro e Marcão; Edinho, Magrão (Sandro, 2'/2ºT Prorrogação), Andrezinho (Gustavo Nery, 19'/2ºT)e D’Alessandro; Nilmar e Alex. Técnico: Tite.
ESTUDIANTES: Andújar, Angeleri, Alayes, Cellay e Desábato; Braña, Iberbia (Perez, 19'/2ºT), Veron (Moreno 7'/1ºT Prorrogação) e Benítez; Boselli e Fernandez (Calderon, 25'/2ºT). Técnico: Leonardo Astrada.

5 comentários:

joshua disse...

Glad I've found your blog, one of the very best of the kind.
Have a blossom blessing and if you do drop by at mine, I sure hope
you at least blogbang me by watching my french creativitees from beginning to end
and mind my paypal donate boton for milk and nappy-diapers. What's two or three bucks?
I realy need your help badly and your help is that simple, but then
we all need eachother one way or another.
Scratch my back and I'll scratch yours, oh blessed one.

PALAVROSSAVRVS REX

Anônimo disse...

_


Explique: quando o Inter foi roubado em 2005 pelo Corínthians, houve 2 anos de choradeira e reclamações (ainda se ouve um ou outro colorado secando lágrimas e dizendo "fomos campeões morais em 2005...". Ninguém neste Estado tão vai comentar que o Estudiantes foi roubado no Beira-Rio? Logo aqui, neste no RS, um lugar "metido" a ser honrado, a jogar "pedras" em todo o Brasil pra dizer que aqui todo mundo é honesto e tem dignidade?

Eu digo então: O ESTUDIANTES FOI
ROUBADO VERGONHOSAMENTE!

_

Anônimo disse...

_


Explique: quando o Inter foi roubado em 2005 pelo Corínthians, houve 2 anos de choradeira e reclamações (ainda se ouve um ou outro colorado secando lágrimas e dizendo "fomos campeões morais em 2005..."). Ninguém neste Estado vai comentar que o Estudiantes foi roubado no Beira-Rio? Logo aqui, no RS, um lugar tão "metido" a ser honrado, a jogar "pedras" em todo o Brasil pra dizer que aqui todo mundo é honesto e tem dignidade?

Eu digo então: O ESTUDIANTES FOI
ROUBADO VERGONHOSAMENTE!

_

Ricardo Oliveira disse...

Caro, Anônimo.
Eu também não sou torcedor do Internacional, pelas suas palavras, você deve ser Grêmio, eu sou Botafogo.
Eu, sinceramente, não vi roubo contra o Estudiantes aqui no Beira-Rio, mas respeito sua opinião.
A hora agora não é contestar, a hora agora é aplaudir mais um título do Inter.

Obrigado pelo acesso e comentários.

Anônimo disse...

oimportante é q o inter tm todos os titulos..........
q nenhum time brasileiro tm.......e q tm mta inveja disso


flw